O crime aconteceu entre as cidades de Leme/SP e Araras na rodovia Anhanguera (SP-330).

Acusado de estelionato, mais um caminhoneiro foi preso em Araras após ser pego tentando burlar o sistema de cobrança automática de praças de pedágio “Sem Parar”, da concessionária Intervias. O crime aconteceu entre as cidades de Leme/SP e Araras, na rodovia Anhanguera (SP-330) e teve características similares com outro delito ocorrido no último dia 13 de fevereiro no mesmo local.

O caminhoneiro estava trafegando pela rodovia sentido Araras, quando se deparou com a faixa do pedágio exclusiva do sistema “Sem Parar”, com seu veículo Scania que não possui a cobrança automática, consequentemente, a cancela não abriu, entretanto, como de praxe, as passagens dos veículos são autorizadas manualmente pela própria concessionária com o intuito de que o motorista desobstrua o caminho para que seja averiguada alguns metros a frente o motivo do sistema não ter reconhecido o veículo.

Nesse momento, entrou em jogo a integridade do motorista, que ao perceber a brecha saiu em disparada com o caminhão e ainda acionou um sistema manual improvisado que encobriu a visualização da placa. Porém, o criminoso não foi longe e rapidamente foi detido, no km 168, pela Polícia Militar Rodoviária.

O homem de 28 anos foi preso em flagrante, já que esse tipo de crime é inafiançável. Ele foi levado até a Cadeia Pública de Pirassununga/SP, para posterior remoção à Penitenciária de Itirapina/SP.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*