Essa etapa conta com a participação de 25 competidores e diferentes estado do país. Créditos: Gabriela Grigoletto /Opinião
Essa etapa conta com a participação de 25 competidores e diferentes estado do país.
Créditos: Gabriela Grigoletto /Opinião

A Festa do Peão de Araras 2016 começou na última quinta-feira, dia 11. Juntamente com ela, Araras recebeu a etapa da Divisão de Acesso, campeonato de rodeio realizado pela PBR (Professional Bull Riders) Brasil.

Essa etapa conta com a participação de 25 competidores e diferentes estado do país, com destaque para três. Fernando da Conceição (SP), Edimundo Gomes (SP) e o Maciel Santana (BA), vão disputar ponto a ponto a conquista dessa etapa. Os touros Bônus, Dubai e Favorável serão os companheiros dos atletas.

A Divisão de Acesso é responsável por revelar atletas que estão em início de carreira, abrindo caminhos para que eles cheguem ao campeonato principal. “Estar hoje entre os 35 competidores que disputam o Monster Energy PBR é o grande salto na carreira dos atletas, pelas altas premiações e chances de disputar o Mundial”, explica Adriano Moraes, diretor de Competições da PBR no Brasil.

Para compreender a dimensão desse esporte radical, das 21 finais mundiais, oito foram conquistadas por brasileiros (três de Adriano Moraes em 1994, 2001 e 2006), Ednei Caminhas (2002), Guilherme Marchi (2008), Renato Nunes (2010) e Silvano Alves (2011, 2012 e 2014). Os brasileiros despontam ainda como os favoritos do esporte, estando sempre entre as posições de liderança.

Além dos atletas, a Divisão de Acesso também permite aos donos das companhias fazer parte do campeonato principal. “Temos rígidas regras com relação ao manejo dos touros que, para nós, são atletas”, diz Adriano. Na PBR, há seriedade e responsabilidade no cumprimento das leis envolvendo esportes com animais.

Com a realização deste torneio, promotores de eventos têm a oportunidade de entrar no rol das arenas com importantes campeonatos e colaborar para o crescimento do esporte de montaria em touros, modalidade que tem aberto oportunidade para investidores e empresas fortalecerem sua marca.

A Etapa da Divisão de Acesso se encerra no domingo, dia 14, juntamente com a Festa do Peão.

 

Manejo dos animais

A PBR (Professional Bull Riders) é inteiramente comprometida quanto a assegurar a saúde, a segurança e o respeito de cada animal que entra em suas arenas. Negligenciar um animal seria um dano ao esporte, do qual depende a própria subsistência do competidor e de seus associados. Em cada disputa entre touros e competidores, ocorre uma vistoria pelos profissionais da PBR. Os veterinários examinam as condições de saúde do animal e podem desclassificá-lo caso identifiquem o mínimo sintoma possível fora dos padrões estabelecidos.

 

A PBR (Professional Bull Riders) Brasil

Criada em 1992 nos Estados Unidos, a PBR (Professional Bull Riders) é a principal liga de montaria em touros em todo o mundo, com campeonatos realizados ainda no Brasil, Canadá, México, Nova Zelândia, Austrália e China.  O maior campeonato desta modalidade é o mundial da categoria, cuja final é realizada em Las Vegas, reunindo atletas de todos os países onde há torneios da PBR.

No Brasil, a liga está presente desde 2006 promovendo o maior campeonato da modalidade em arenas dos estados de Minas Gerais, São Paulo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás e Paraná. Suas principais etapas são realizadas dentro de grandes festas do peão e rodeios, já que este esporte está inserido dentro da cultura sertaneja em nosso país.

O Monster Energy PBR é o torneio oficial em terras brasileiras. Ele vale pontos para o ranking do mundial da categoria.

(Maria Rita Zuliani)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*