642 bolsas de sangue foram coletadas nas campanhas realizadas em 2015

Em sete campanhas realizadas durante 2015, foram coletadas um total de 642 bolsas de sangue. No último sábado, 5, a Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde, realizou a última mobilização do ano, ocasião em que foram coletadas 48 bolsas

A Secretaria de Comunicação Social e Institucional divulgou que as bolsas de sangue coletadas na escola Sesi de Araras, localizada na Avenida Melvin Jones, foram encaminhadas ao Hemonúcleo de Piracicaba.

642 bolsas de sangue foram coletadas nas campanhas realizadas em 2015
642 bolsas de sangue foram coletadas nas campanhas realizadas em 2015

Segundo as informações, dos 73 voluntários cadastrados nessa última campanha, 25 estavam inaptos a doar. O material coletado é submetido a exames laboratoriais antes de ser disponibilizado aos pacientes. Caso haja alterações, o Hemonúcleo enviará correspondência notificando o doador. Outras seis campanhas já foram realizadas na cidade em 2015, no total foram coletadas 642 bolsas.

Para o próximo ano estão previstas outras sete campanhas de doação de sangue. A próxima já tem data marcada para o dia 23 de janeiro, também no Sesi de Araras.

Para ser doador é necessário pesar mais de 50 kg, ter entre 16 e 69 anos – menores devem estar acompanhados pelo responsável. Além disso, o doador não deve ingerir alimentos gordurosos nas três horas que antecedem a doação, mas também não estar em jejum. Não deve ter ingerido bebida alcoólica no dia anterior, e deve ter dormido no mínimo seis horas antes de doar. A Secretaria de Saúde reforça que é preciso respeitar o intervalo mínimo para a doação. Para os homens, o prazo é de 60 dias e para as mulheres, 90.

As campanhas contam com apoio e parceria do Hemonúcleo de Piracicaba. Mais informações sobre a Campanha podem ser obtidas na Secretaria Municipal de Saúde pelo telefone 3543-1522 ou pelo e-mail: sms@araras.sp.gov.br.

 

Comunicado: Saúde alerta cidadãos sobre falso cadastro

A secretaria municipal de Saúde comunica que não está fazendo nenhum tipo de recadastramento via telefone para pacientes que são atendidos nos PSFs (Posto de Saúde Família) ou em qualquer outra unidade de saúde do município. A secretaria esclarece que se trata de golpe e orienta as pessoas a não passar qualquer tipo de informação pessoal por telefone.

A secretaria de Saúde não tem por hábito fazer este tipo de procedimento por telefone. Os recadastramentos são feitos sempre em visitas com agentes de saúde devidamente credenciados nas casas ou pessoalmente nos postos de saúde. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3543-1522. (Com informações da Secom)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*