A quinta campanha do ano recebeu 117 pessoas no total, das quais 92 estavam aptas para a doação

Sesi 2
Ação solidária ocorreu no dia 19 de agosto no Sesi Araras

No último sábado (19) ocorreu a 69ª Campanha de Doação de Sangue em parceria com o Hemonúcleo de Piracicaba. Coordenada pela Secretaria Municipal de Saúde, a iniciativa foi realizada no Sesi Araras, localizado na avenida Melvin Jones, 2.600 – Núcleo Heitor Villa-Lobos. A coleta foi feita das 8h às 12h e os doadores – 117 ao todo – compareceram munidos de documentos com foto (RG ou CNH) para entrevista e esclarecimentos sobre a doação.
A coleta referente à 69ª Campanha de Doação de Sangue recebeu 117 pessoas voluntárias, das quais 92 estavam aptas para o procedimento. Este ano, anteriormente, foram realizadas quatro campanhas, sendo a primeira em 11 de fevereiro, quando 130 pessoas compareceram e 103 bolsas foram coletadas. No dia 4 de março ocorreu a segunda campanha do ano, recebendo 118 pessoas das quais 94 estavam aptas para a doação.
A terceira campanha de 2017 aconteceu em 27 de maio. Na ocasião, 125 pessoas compareceram e 101 bolsas foram coletadas. Em 28 de julho mais uma campanha recebeu 78 pessoas e 59 estavam aptas para doar sangue. Outras duas edições da ação solidária já estão programadas, informou ao Opinião a auxiliar administrativo da Coordenadoria de PSF e UBS, Icarla Pontes Kapp, explicando que as mesmas serão em 07 de outubro e 16 de dezembro. Ambas no Sesi Araras.

‘Junho Vermelho’
Projeto de lei da vereadora Anete que incentiva a doação de sangue em Araras é aprovado
Vereadora Anete defende campanhas que incentivam a doação de sangue
Foi aprovado por unanimidade o projeto de lei da vereadora Anete Monteiro dos Santos Casagrande (PSDB) que institui no calendário oficial de eventos de Araras o ‘Junho Vermelho’. O mês será dedicado à realização de campanhas sobre a importância da doação de sangue. As ações irão conscientizar a população em relação ao tema com o objetivo de aumentar o número de doadores na cidade. Monumentos, logradouros e as instituições públicas municipais participarão da divulgação utilizando iluminação e decoração em suas sedes na cor vermelha. “Foi escolhido o mês de junho devido à celebração no dia 14 do mesmo mês do Dia Mundial da Doação de Sangue. Meu objetivo com esse projeto é incentivar as pessoas e aumentar o número de doadores, o que certamente contribuirá para salvar muitas vidas e melhorar a saúde de muitos doentes”, explica a vereadora.
Com a chegada do inverno, o número de doações cai ainda mais, em média 30%, em virtude da queda de temperatura e do aumento de enfermidades, fato que contribui com a queda dos estoques dos hemocentros. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a recomendação é que, no mínimo, 5% da população de cada país seja doadora, no entanto, no Brasil essa porcentagem não chega aos 2%.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*