“Retorno ao trabalho garante a permanência da empresa e cerca de 200 postos de trabalho que ficam em nossa cidade”, afirmou o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos, Luiz Carlos Proni

thumbnail_Duraferro Assembleia 05 10 2017Foram 21 dias de paralisação, desde 14 de setembro, na empresa Duraferro/Bardella. Mas na manhã de ontem (5) os trabalhadores decidiram encerrar a greve e já retornaram ao trabalho. O acordo que pôs fim à paralisação teve início na tarde de quarta-feira (4) no Tribunal Regional do Trabalho em Campinas. A pedido do Sindicato dos Metalúrgicos de Araras foi realizada audiência de mediação na Seção de Dissídios Coletivos, presidida pelo desembargador Edmundo Fraga Lopes, vice-presidente judicial daquele Tribunal.

Após longa negociação a empresa se comprometeu a regularizar os pagamentos futuros, a pagar o salário de setembro neste mês de outubro e a realizar um parcelamento dos atrasados sob pena de multa. Os dias parados serão parcialmente abonados e outros compensados até 31 de março de 2018. Também foi garantida aos trabalhadores assistência médica, mesmo enquanto não for restabelecido o plano de saúde. Todos os funcionários terão assegurados 90 dias de estabilidade no emprego.

O presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Araras, Luiz Carlos Proni, liderou todo o processo e comentou sobre a greve. “Sabíamos que era uma situação difícil, mas conseguimos chegar num acordo positivo. Não havia condição do funcionário continuar trabalhando sem receber pagamento, por isso a greve foi necessária. Mas o retorno ao trabalho garante a permanência da empresa e cerca de 200 postos de trabalho que ficam em nossa cidade”, afirmou. Proni também agradeceu a toda a sociedade ararense que prestou importante apoio, especialmente a Prefeitura Municipal, por meio de suas secretarias de Ação e Inclusão Social e Desenvolvimento Econômico, e também à Câmara Municipal. Sérgio Beretta, que é trabalhador metalúrgico da empresa e diretor do Sindicato, parabenizou os trabalhadores pela garra que tiveram para lutar. “Foi um belo movimento que fizemos e juntos conseguimos garantir nossos direitos”, destacou.

Duraferro/Bardella

A Duraferro foi fundada em Araras no ano de 1985 atuando no setor de pontes rolantes e laminação siderúrgica. No ano de 2009 a Duraferro foi adquirida e passou a ser administrada pela Bardella S.A. Indústrias Mecânicas. A controladora Bardella foi fundada em 1911 e atua no fornecimento de equipamentos para os setores industriais de Metalurgia, Energia, Petróleo, Gás, Movimentação de Materiais, Aços Trefilados e Aços Laminados.

O grupo Bardella está presente com unidades também em Sorocaba, Guarulhos e Porto Velho (RO). Em Araras a Duraferro/Bardella atualmente conta com cerca de 200 funcionários.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*