José Olívio (segundo sentado da esquerda para a direita) auxiliou nas equipes masculina e feminina da seleção brasileira sub-21

 

José Olívio (segundo sentado da esquerda para a direita) auxiliou nas equipes masculina e feminina da seleção brasileira sub-21
José Olívio (segundo sentado da esquerda para a direita) auxiliou nas equipes masculina e feminina da seleção brasileira sub-21

O professor José Olívio, do Projeto Kimono de Ouro, atuou como auxiliar-técnico da seleção brasileira no Campeonato Mundial Sub-21. O torneio ocorreu entre os dias 18 e 22 deste mês, em Zagreb, capital da Croácia.

Foi a principal competição de 2017 da categoria júnior, que teve como destaques a medalha de ouro do meio-leve Daniel Cargnin e o bronze da peso-pesado Beatriz Souza. Além deles, a seleção brasileira trouxe para casa mais quatro quintos lugares e um sétimo. Para José Olívio, um bom desempenho em um campeonato mundial do mais alto nível técnico.

“Em um primeiro ano de ciclo olímpico, é esperado que os países invistam em jovens atletas com potencial. Por isso, a competição estava repleta de judocas sub-21 que já têm resultados na classe sênior em âmbito internacional. O que não foi diferente para o Brasil, que teve seus dois medalhistas num quadro similar”, destacou Olívio. “Além deles, mais cinco atletas disputando o bloco final pode ser considerado satisfatório. Espero ter contribuído de alguma forma com a equipe e poder utilizar os conhecimentos adquiridos, tanto com a seleção quanto com os judocas de Araras. Sou muito grato pela oportunidade dada pela CBJ e pelo apoio do Projeto Kimono de Ouro nesta dupla jornada”, concluiu o ararense. (CF)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*