tribuna livre 1
Professor e aluno falaram sobre torneio na sessão

O professor do Insa (Instituto Nossa Senhora Auxiliadora), Leonardo Curtulo Leandro, falou sobre o projeto desenvolvido pelos alunos da equipe Insabots, que ocorreu nesta quarta-feira, dia 18.

Pelas informações da Diretoria de Comunicação da Câmara de Araras, o professor Leonardo convidou o aluno Marcelo Gomes Salvador, do 7º ano, para expor o trabalho realizado com seus colegas. Marcelo iniciou o seu pronunciamento falando da participação no Campeonato Nacional de Robótica, que será realizado em Brasília/DF.

O projeto dos alunos, que é desenvolvido dentro da aula de robótica, tem o objetivo de auxiliar deficientes visuais a reconhecerem formas através da tecnologia NFC (Near Field Communication) no qual é possível reproduzir informações em áudio quando entram em contato com um celular de sistema operacional Android. O aluno também fez uma demonstração do uso da tecnologia NFC aplicada ao projeto do grupo. “Mais vale o que agente aprende no campeonato do que jogar e se classificar”, disse Marcelo.
O Torneio de Robótica FIRST® LEGO® League (FLL) é um programa internacional voltado para crianças de nove a 16 anos, criado para despertar o interesse dos alunos em temas como ciência e tecnologia dentro do ambiente escolar. São reunidos em times de quatro a dez integrantes em que os alunos expõem os trabalhos de pesquisa realizados com robôs dentro das salas de aula. Este ano o campeonato será realizado entre os dias 13 e 15 de março, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília/DF.


Licença para instalação de transbordo de resíduos de Saúde no Aterro é abordada

 A vereadora Anete Monteiro Casagrande (PSDB – Partido da Social Democracia Brasileira) repercutiu a matéria do Opinião Jornal desta terça-feira, dia 16, que divulgou que a Prefeitura de Araras requereu junto a Cetesb (Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental) licença prévia e de instalação do transbordo de resíduos do serviço de saúde em área pertencente ao aterro sanitário.

Anete afirmou que essa ação apenas evidencia o que ela já alegava, a ausência de licença ambiental para as operações de transbordo. “Minha equipe esteve no local e constatou que o depósito de resíduos de saúde que apontamos em nossa denúncia possivelmente ainda não atende as normas de vigilância sanitária para o recebimento desses resíduos. E o mais grave, a área está localizada ao lado de um novo empreendimento de casas populares”, completou.

A presidente e vereadora Magda Carbonero Celidorio (PSDC – Partido Social Dmeocratra Cristão) entregou moção de congratulação à Comunidade Salesiana e ao Insa (Instituto Nossa Senhora Auxiliadora) pela comemoração dos 120 anos de atividades em Araras.

Integram a Comunidade Salesiana da cidade as Filhas de Maria Auxiliadora, a OSAF, e os Salesianos de Dom Bosco, com o Oratório São Luiz e Santuário Sagrado Coração de Jesus.

As primeiras Irmãs Salesianas, Filhas de Maria Auxiliadora, chegaram em Araras em 29 de janeiro de 1895 com o objetivo de fundar o Instituto Nossa Senhora Auxiliadora – o INSA, hoje uma referência em qualidade de ensino. Elas foram recebidas na ocasião com muita festa pelo Barão de Araras, Bento de Lacerda Guimarães, e toda sua ilustre família. Este foi o início de um grande trabalho para a comunidade ararense, hoje reconhecido por todos.

O trabalho e a mensagem das Filhas de Maria Auxiliadora hoje são seguidos pela OSAF – Obra Salesiana de Apoio Fraterno – que já existe há 47 anos na cidade e atualmente é mantida pela Casa do Puríssimo Coração de Maria.

Já os Salesianos de Dom Bosco, com o Oratório São Luiz e Santuário Sagrado Coração de Jesus, são um exemplo de ajuda ao próximo, notadamente pelo trabalho social que é realizado na cidade, e também com a dedicação da educação dos jovens.  Seus destaques são suas obras com foco educacional e de serviços beneficentes.

Para a vereadora, as unidades que compõem a Comunidade Salesiana formam um compromisso com a educação ararense e dos jovens. “Os projetos desenvolvidos pela comunidade são exemplos de compromisso com o desenvolvimento e bem estar da sociedade, e também com a mensagem de ajuda ao próximo.”, disse Magda.

Representando a Comunidade Salesiana, a diretora da OSAF, Irmã Maria Guadaluppe Lara Briniño, agradeceu a homenagem. “Nós trabalhamos com pouco e em silêncio. Nosso principal objetivo é formar bons cristãos e honestos cidadãos. Essa é a nossa missão”, falou Irmã Guadalupe.

Também receberam moção de congratulação o diretor administrativo do Oratório São Luiz, Hamilton Bernardo Rodrigues, e a diretora do Insa, Sueli Aparecida Lima Fernandes.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*