Fundo público eleitoral vai rechear o caixa de 21 dos 32 partidos políticos na campanha deste ano, na comparação com a eleição de 2014, quando era permitida a doação de empresas

A diferença, em alguns casos, pode chegar a mais de 3 mil %. É o caso do PCB, que na última campanha, recebeu pelos diretórios quase R$ 30 mil. Neste ano, a verba do fundo eleitoral passa de R$ 980 mil.

E não para por aí. Na comparação de valores, a diferença é ainda mais gritante: O PRB terá quase R$ 57 milhões a mais do que na última campanha.

Ao todo, a legenda receberá 67 milhões do fundo, contra os R$ 10 milhões que teve em 2014.

Em valores, o PDT e o PR também estão no time dos que terão o caixa mais polpudo.

Já o PSOL, PHS, PRB e o próprio PDT estão no topo dos que terão maior percentual de aumento.

Partidos maiores, como o PT, MDB e PSDB terão menos dinheiro com a distribuição pelo fundo, ainda que somem a maior fatia.

Os valores, segundo reportagem do Estadão, levam em conta apenas os recursos para os partidos, sem considerar o dinheiro destinado diretamente aos candidatos.

Mais Notícias

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*