Os casos de roubo aumentaram ano passado em Araras. Dados divulgados esta semana pela Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP) apontam que as ocorrências subiram de 275 em 2015 para 303 em 2016. Por mês, a média passou de 23 para 25 casos. Os números incluem roubos de objetos, estabelecimentos comerciais, residências, entre outros – as ocorrências envolvendo veículos, no entanto, são contabilizadas separadamente.

Apesar de discreto, o aumento de cerca de 10% está relacionado principalmente aos roubos de pequenos objetos – entre eles, aparelhos celulares. “Registramos um número considerável de roubos de celulares em 2016, especialmente após o

Aplicativo Pokemón Go fez com que muitos ararenses tivessem o aparelho roubado enquanto estavam distraídos
Aplicativo Pokemón Go fez com que muitos ararenses tivessem o aparelho roubado enquanto estavam distraídos

surgimento do aplicativo Pokémon Go (que usava realidade aumentada para que as pessoas tivessem a sensação de estar “capturando” pokémons em vários locais da cidade). Muitas pessoas ficaram sem o aparelho porque estavam distraídas e nem perceberam a aproximação dos bandidos. Todo mundo tem o direito de usar seu celular da maneira que quiser, mas é recomendado redobrar a atenção quando estiver na rua ou em locais com aglomeração de pessoas”, orienta o capitão Helignton Ilgges da Silva, comandante da Polícia Militar de Araras.

O ex-secretário municipal de Segurança Pública e Defesa Civil de Araras, João Tranquillo Beraldo, que acompanhou as estatísticas durante os últimos anos, também ressaltou o alto índice de roubos a celulares, principalmente, durante o período de sucesso do jogo para smartphone. “Na época em que a febre de Pokémon tomou conta das pessoas em Araras, as vítimas acabaram se expondo demais, andavam distraídas olhando para o celular, principalmente altas horas da noite e madrugada, facilitando a ação de marginais”, acrescentou.

O capitão da PM lembra que as estatísticas da Secretaria de Segurança Pública consideram todos os casos de roubo registrados na cidade, desde pequenos objetos até de residência com reféns, por exemplo. “Felizmente, entre elas não tivemos muitas ocorrências consideradas mais graves na cidade”, completou Ilgges.

 

Veículos

O roubo de veículos, por outro lado, teve queda acentuada no último ano. Ao todo, de acordo com a SSP, foram 39 casos registrados ao longo de 2016 – o equivalente a 3 veículos roubados por mês na cidade. Em 2015, foram 69 ocorrências registradas e média mensal de aproximadamente 6 veículos roubados em Araras.

 

Roubos em Araras

  2015 2016
Geral 275 303
Veículos 69 39

Fonte: Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*