Felipe Cordeiro colocou todos para dançar ao som de seu repertório pop tropical

A Secretaria de Comunicação Social e Institucional publicou que o Circuito Sesc de Artes em Araras foi sucesso de público com 4.390 prestigiando às atrações culturais gratuitas oferecidas na Praça Barão, no último domingo, dia 26.

Destaque da programação, o show do compositor e guitarrista Felipe Cordeiro contagiou o público presente colocando todos para dançar os ritmos paraenses. Com estilo denominado por ele de pop tropical, que mistura brega, carimbó, guitarrada e lambada, Cordeiro apresentou músicas do seu segundo disco solo Se Apaixone Pela Loucura do seu Amor, com destaque para Problema Seu, canção que conquistou o primeiro lugar na lista da revista Rolling Stone.

Ao final do espetáculo, o cantor convidou os músicos do grupo Grande Cia. Brasileira de Mystérios e Novidades (RJ), que apresentaram o Teatro Uirapuru, para subirem ao palco e fazer uma jam session. “Muito obrigado, Araras! Vocês têm aqui uma cidade muito bonita. Adorei. Se me convidarem, eu volto”, disse o músico, que ainda fez um bis atendendo a pedidos do público.

O secretário de Ação Cultural e Cidadania Marcelo Daniel (Mussa) afirmou que o público registrado em Araras, mais uma vez, foi um dos mais expressivos da região. “Nosso objetivo foi alcançado em levar cultura de qualidade aos espaços públicos. Pudemos conferir atrações de nível internacional, colocando o público ararense em contato com novidades em diversas áreas culturais como música, literatura, dança contemporânea e teatro”, afirmou Mussa.

Atores do Teatro Uirapuru impressionaram o público encenando com pernas de pau

Durante o Circuito, o público também aprendeu a confeccionar livros utilizando caixas de papelão, na oficina Dulcineia Catadora. Os participantes terão à disposição folhas, fotos, tintas, linhas para costura e vão escolher o conteúdo de seu interesse para montar o livreto, que poderá ser levado para casa.

Ainda dentro da área de literatura, a ação Leve Livro vai disponibilizar uma estante móvel na Praça, com cerca de 200 livros para o público ler e trocar. A ação busca criar relações entre os leitores, estimulando diálogos literários, conversas sobre as narrativas que cada um já leu, proporcionando, assim, a troca de experiências.

A programação contou ainda com o Teatro Uirapuru. Inspirada nas operetas de Belém do Pará, a peça conta a lenda do Uirapuru e dos pássaros encantados, seguindo a tradição amazônica. Ao final da peça, atores junto com crianças plantaram uma muda de pau-brasil na Praça, valorizando a preservação do meio ambiente.

Outro destaque do Circuito Sesc que arrancou aplausos do público foi a apresentação do espetáculo Nois Um. Encenado pela Companhia De lá pra cá, o espetáculo uniu dança contemporânea, acrobacia e música. Os bailarinos Marina Collares e Ronan Lima, que são casados, criaram uma coreografia sincronizada que une os corpos e articula suavidade e impacto de maneira poética.

O grupo passou seis anos na Europa e já se apresentou por vários Estados do Brasil, como a Bahia, e também na África. “A peça foi idealizada quando estávamos na Europa e realizamos muita pesquisa técnica para compor os movimentos baseados em balé clássico e circo contemporâneo. Um espetáculo como esse exige muito preparo corporal e, para isso, chegamos a treinar todos os dias. Valorizamos muito também a interação com o público e aqui em Araras não foi diferente. Todos interagiram com a peça, principalmente as crianças”, ressaltou Marina.

Esta foi a quinta vez que o espetáculo foi encenado ao público e a terceira no Circuito Sesc, que ainda segue até 10 de maio.

Este ano, o Circuito Sesc de Artes chega a 108 cidades do interior, litoral e Grande São Paulo e mais a capital, com programação itinerante formada por 12 roteiros diferentes, sendo que cada um deles vai percorrer nove cidades do interior do Estado.

Ao todo, serão 68 atrações e 615 apresentações e intervenções artísticas nos finais de semana (sextas, sábados e domingos) com a participação de 392 artistas.

Araras faz parte do roteiro 10 da Região de São Carlos, que inclui ainda as cidades de Mococa, Itirapina, São João da Boa Vista, Pirassununga e Brotas. 


Prefeitura promove mais uma edição da Festa do Trabalhador

No feriado de 1º de Maio, Dia Internacional do Trabalhador, os ararenses terão uma opção cultural diferenciada e gratuita: a Festa do Trabalhador. Realizado pelo Prefeitura de Araras, o evento acontece em frente ao Ginásio de Esporte Nelson Rüegger, das 14h30 às 20h.

Repleta de atrações musicais, a programação contará com a participação de artistas locais e apresentação especial de Zumba e Body Attack. “Esta é uma maneira de homenagearmos os trabalhadores e lembrarmos as lutas que já aconteceram e ainda acontecem por melhores condições de trabalho. No evento, priorizamos artistas da cidade e oferecemos uma programação bem diversificada para agradar as famílias”, disse José Gonçalves Filho (Paraíba), coordenador do CAM Guerino Bertolini e um dos organizadores da Festa do Trabalhador.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*