O corpo de um homem encontrado em decomposição no último sábado (25) na zona rural de Araras segue sem identificação, porém, após laudo pericial a Polícia Civil agora acredita que seja mais possível a identificação.

Segundo a Polícia o homem possui aproximadamente 40 anos de idade, de 1,65 a 1,75 metros, estava usando apenas cueca preta e bermuda marrom. Em seu corpo possui três tatuagens identificadas, uma de um tigre no ombro e braço direito, a escrita “Marieli” nas costas e também a escrita “Bárbara” no braço esquerdo.

Outra informação apontada pela perícia é que o corpo deveria estar no loca de 5 a 8 dias e que a provável causa da morte possa ter sido um infarto, já que o médico legista acabou identificando durante a autópsia que o coração da vítima possui cicatrizes comuns em quem já sofreu parada cardíaca.

Mesmo com as novas informações, o caso segue instaurado como “morte suspeita”, nenhum sinal de violência foi encontrado no corpo da vítima. No entanto, o estado de putrefação cadavérica também atrapalha a perícia e consequentemente a investigação.

Entenda o caso

Um forte odor estava presente, além de insetos que consumiam quase que todo o cadáver. Aves, como urubus, também sondavam o corpo no momento em que foi encontrado.

Era por volta de 10 horas do último sábado (25) quando um homem de 43 anos passava pela área, até que percebeu a presença de muitos urubus no alto de um morro de campina. Por curiosidade, foi até o local e acabou flagrando o corpo e ligando para a Polícia.

O corpo da vítima estava de barriga para baixo. A Polícia não encontrou nenhum sinal de violência aparente ou, até mesmo, marcas que indicavam que o corpo foi arrastado até o local. Além disso, nenhuma marca de sangue também estava próxima à vítima.

A identificação, porém, está difícil, já que nenhum documento estava em posse da vítima e seu rosto também está irreconhecível, dado os insetos terem desfigurado sua face.

Lucas Neri

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*