O cuidado com os filhos menores precisa ser reforçada nos locais com piscina

O afogamento é a segunda causa de morte acidental de crianças, perde apenas para os acidentes de trânsito.

Por isso é importante que os pais estejam sempre por perto.

Mesmo quando a criança sabe nadar, existe o risco de ela perder o fôlego, sofrer cãibras ou contusões.

As piscinas rasas também oferecem perigo e seu uso deve ter sempre a supervisão de um adulto.

Outro cuidado é com as boias redondas, pois geralmente elas viram.

O ideal é usar coletes salva vidas certificados e no tamanho adequado para a idade da criança.

E é muito importante lembrar que aparelhos eletrônicos apresentam risco de choque em contato com a água e devem ser mantidos longe da piscina.

Mais Informação

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*