Acesso já foi liberado em frente ao Cemitério, onde foram construídas duas lombofaixas

As duas lombofaixas construídas na avenida Melvin Jones, em frente à saída do Velório do Cemitério Municipal, foram concluídas na última semana. O trecho, que ficou interditado durante a obra, já está liberado para motoristas e pedestres.

Acesso já foi liberado em frente ao Cemitério, onde foram construídas duas lombofaixas
Acesso já foi liberado em frente ao Cemitério, onde foram construídas duas lombofaixas

Os dispositivos, construídos onde já existiam faixas de pedestres, têm por objetivo imprimir mais segurança aos pedestres, pois este ponto é considerado crítico e já foi alvo de acidentes e atropelamentos graves.

As lombofaixas são travessias elevadas de pedestres, mais largas que os redutores de velocidade comuns. Elas são construídas nas vias públicas no mesmo nível da calçada, o que facilita a travessia dos pedestres, principalmente daqueles com deficiência ou mobilidade reduzida. A lombofaixa pode ter de 4 a 7 metros e é sinalizada para chamar a atenção dos motoristas – as instaladas na Melvin Jones têm 4,5 metros. A instalação atende à indicação do vereador Francisco Nucci Neto (PMDB – Partido Movimento Democrático Brasileiro).

Outras intervenções viárias também acontecem na avenida Melvin Jones. A nova rotatória que irá organizar melhor o trânsito no entroncamento das duas faixas da via com as ruas Firmo Lacerda de Vergueiro, Guaianazes e Sílvio Baggio, próximo ao Cemitério Municipal, está em fase de conclusão.

A rotatória é do tipo “prato invertido”, ou seja, construída com uma proteção de concreto em seu entorno, o que irá possibilitar manobras de veículos de grande porte.

O acesso pela rotatória também já foi liberado. De acordo com a Secretaria Municipal de Planejamento, Gestão e Mobilidade, praticamente todo o serviço previsto foi finalizado, restando ainda a instalação de iluminação na rotatória e mais detalhes na implantação da sinalização de trânsito.

A obra também contou com a manutenção do passeio público em área que contorna o Cemitério, logo em frente à Melvin Jones, e o fechamento de quatro canteiros centrais no trecho compreendido entre o início da Melvin Jones, em frente ao Cemitério, e o cruzamento com a rua Benedito Pires.

Além disso, o Departamento de Meio Ambiente realizou projeto de rearborização urbana com o plantio de um ipê branco e um jequitibá na rotatória e mais dois exemplares de flamboyant e um de pau-marfim nas proximidades.

 

Plano de Mobilidade Urbana

As intervenções viárias realizadas na via são frutos de estudos técnicos do Demutran (Departamento Municipal de Trânsito) e do Núcleo Técnico do Plano de Mobilidade Urbana.

O Núcleo Técnico avaliou a necessidade de melhor organização do trânsito, principalmente para garantir mais segurança no entroncamento dos dois sentidos da Melvin Jones com as vias Firmo Lacerda de Vergueiro, Sílvio Baggio e Guaianazes.

Os serviços são realizados pela empresa Oliveira & Dias Construção e Saneamento, vencedora do processo licitatório. A obra conta com recursos próprios da Prefeitura no valor de R$ 126.334,98. (Com informações Secom). 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*