Em Araras, o programa já capacitou mais de 20 mil alunos

Mais 300 alunos de Araras receberam ontem, dia 24, certificado de conclusão do Proerd (Programa Educacional de Resistência as Drogas e Violência), realizado pela Polícia Militar do Estado de São Paulo, com apoio da Prefeitura de Araras.

Alunos da E.E. Lions Clube, E.E. Joanita Kammer Martins Pereira e Emef Clotilde Russo receberam os certificados de conclusão em cerimônia realizada no Sayão Futebol Clube com a presença de familiares, amigos, professores, diretores e autoridades do município. O vice-prefeito Carlos Alberto Jacovetti e o secretário municipal de Segurança e Defesa Civil, João Tranquillo Beraldo, também participaram da solenidade.

Em Araras, o programa já capacitou mais de 20 mil alunos
Em Araras, o programa já capacitou mais de 20 mil alunos

O Proerd é realizado pela Polícia Militar desde 2000, em parceria com o Estado, Municípios e instituições de ensino (escolas particulares), e é direcionado a alunos do 5º ano do ensino fundamental de escolas estaduais, municipais e particulares.

Em Araras, o Proerd é desenvolvido pelo policial militar instrutor Jefferson Alex Batista da Costa (cabo PM Alex). Os instrutores são treinados e preparados para transmitir mensagem de valorização à vida, e sobre a importância de manter-se longe das drogas e da violência.

O programa tem duração de três meses e os alunos recebem uma cartilha informativa com uma sequência de assuntos abordados em cada aula sobre drogas ilícitas e lícitas, como cigarro, bebidas alcoólicas, maconha, crack, cocaína, inalantes, entre outros. No final do curso, eles desenvolvem uma redação com os conhecimentos adquiridos durante o Proerd.

Durante a entrega do certificado de conclusão, os alunos prestaram juramento perante os pais, professores, autoridades e comunidade em geral de se manterem afastados e longe das drogas e da violência. Os alunos que se destacaram durante o curso receberam também uma medalha.

A formatura do Proerd ocorre geralmente a cada três meses. Durante o ano, de acordo com a PM de Araras, são capacitados cerca de 1.500 alunos. Em Araras o programa teve início em 2000 e já capacitou mais de 20 mil alunos.

“O Proerd não invalida qualquer outro programa, trabalho ou atividade de prevenção dirigida aos jovens como um todo. A cooperação da sociedade é fundamental para a viabilidade e continuidade do Proerd, visando atender a uma parcela cada vez mais significativa de crianças e adolescentes, criando, dessa forma, uma rede protetora, crescente contra as drogas (lícitas e ilícitas), bem como contra as atitudes que geram violência”, informou o cabo pm Alex.

 

Proerd
O Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência tem como base o D.A.R.E. (Drug Abuse Resistance Education), e foi criado pela professora Ruth Rich, em conjunto com o Departamento de Polícia da cidade de Los Angeles, nos Estados Unidos da América, em 1989.

Atualmente, o programa está presente nos 50 estados americanos, e em 58 países. No Brasil, ele chegou em 1992, por meio da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, sendo que desde 2002 se encontra em todos os Estados brasileiros. (Com informações Secom).

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*