O MEC (Ministério da Educação) divulgou as datas de inscrição dos programas Sisu (Sistema de Seleção Unificada), ProUni (Programa Universidade para Todos) e Fies (Fundo de Financiamento Estudantil). Os candidatos devem ficar atentos aos calendários, que têm início terça-feira (24).

Programas do Mec oferecem bolsas de estudos em instituições de ensino superior do País
Programas do Mec oferecem bolsas de estudos em instituições de ensino superior do País

Os estudantes que almejam uma vaga na educação superior pública podem se inscrever no Sisu a partir desta data. Nesta edição referente ao primeiro semestre de 2017, serão ofertadas 238.397 vagas em 131 instituições, entre universidades federais, institutos federais de educação, ciência e tecnologia e instituições estaduais. As inscrições serão realizadas entre os dias 24 e 27 de janeiro.

Segundo o MEC, o número de vagas subiu 4,5% em relação ao primeiro semestre do ano passado, quando a oferta foi de 228.071. Cada candidato pode fazer até duas opções de curso. A inscrição, que deve ser feita na página do Sisu na internet (sisu.mec.gov.br), está restrita aos estudantes que participaram do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) de 2016 e que não tiraram zero na redação.

O Sisu é o sistema informatizado do Ministério da Educação por meio do qual instituições públicas de ensino superior oferecem vagas a estudantes com base nas notas obtidas no Enem. O processo ocorre duas vezes por ano.

 

ProUni

As inscrições para o ProUni podem ser feitas entre os dias 30 de janeiro e 2 de fevereiro, exclusivamente pela internet, na página do programa – prouniportal.mec.gov.br. A expectativa do MEC é atender cerca de 220 mil estudantes em 798 mantenedoras e mais de mil instituições de ensino superior. No ano passado, foram selecionados 203 mil estudantes.

O ProUni concede bolsas de estudo integrais e parciais em cursos de graduação presencial em instituições de ensino superior privadas. É destinado aos estudantes que fizeram o ensino médio na rede pública ou na rede particular na condição de bolsistas integrais, com renda familiar per capita máxima de três salários mínimos. A seleção dos candidatos é feita com base nas notas do Enem, alinhando inclusão à qualidade e mérito dos estudantes com melhores desempenhos acadêmicos.

O programa já atendeu, desde sua criação até o processo seletivo do segundo semestre de 2016, mais de 1,9 milhão de estudantes, sendo 70% com bolsas integrais. O processo de seleção ocorre duas vezes por ano.

 

Fies

Os estudantes que têm interesse em se candidatar ao Fies podem fazer a inscrição entre os dias 6 e 9 de fevereiro, exclusivamente pelo site sisfiesportal.mec.gov.br. O programa é destinado a financiar prioritariamente estudantes de cursos de graduação.

Para se candidatar, o aluno deve estar regularmente matriculado em instituição de ensino superior não gratuita cadastrada no programa, em curso com avaliação positiva no Sinaes (Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior). O Fies é operacionalizado pelo FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação).

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*