Empenhado em dotar o município de uma sede própria para a administração municipal, o prefeito Pedro Eliseu Filho (PSDB) quer unir num só espaço praticidade, economia e sustentabilidade como conceito de construção. Um prédio que busca a economia de itens, como energia elétrica, água, emissão de gases  e redução em geração de resíduos, além de dotá-lo de estacionamento, dependências informatizadas e climatizadas.

Prefeitura deverá ser instalada em área localizada nas proximidades da empresa Krepischi e Residencial Plaza Alta
Prefeitura deverá ser instalada em área localizada nas proximidades da empresa Krepischi e Residencial Plaza Alta

Para tanto, prédios da municipalidade, como o Edifício Quicha Lotto, que já foi sede do governo, e anexos do atual Paço Municipal, serão avaliados e, possivelmente, vendidos para que a nova obra possa ser concretizada. Áreas para cumprir o objetivo já estão sendo estudadas, mas, segundo Pedrinho, “deverá ser nas proximidades da empresa Krepischi. Queremos uma Prefeitura ampla, única, que concentre todas as secretarias e serviços, modular, que atenda as necessidades de hoje e possa ser ampliada, que expanda progressivamente conforme as demandas do município”.

Questionado sobre a possibilidade de aproveitar a estrutura próxima ao Ginásio de Esporte Nelson Rüegger, onde já foi cogitado ser o Paço Municipal, o prefeito argumentou que uma construção vertical seria inviável, “pois mais de quatro andares já não cumpre os objetivos traçados”.

O projeto, segundo Pedrinho, será criado por sua equipe, mas poderá ganhar a parceria de empresas e, se necessário, de

Prédios como o Edifício Quicha Lotto e o atual Paço Municipal (foto) serão avaliados e, possivelmente, vendidos para a nova construção
Prédios como o Edifício Quicha Lotto e o atual Paço Municipal (foto) serão avaliados e, possivelmente, vendidos para a nova construção

alguma universidade. “O importante é adequá-lo para o bom desempenho dos servidores públicos e atendimento  à população como um todo”, frisou. Afinal, há anos a ‘Cidade das Árvores’ almeja e merece a concretização de um projeto ecologicamente correto, economicamente viável e socialmente aceito.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*