Em Araras, o campus da UFSCar está localizado as margens da Rodovia Anhanguera, Km 174, sentido Capital-interior.

Todos os meses a Atlas Advisory Board faz uma seleção de dez artigos para a escolha do vencedor do Prêmio Atlas, da Elsevier. Os artigos são escolhidos pela empresa, líder em soluções para a informação, em todas as revistas sobre o assunto com base em seu potencial de impacto social. Entre os finalistas de outubro está o artigo “Chitosan-Montmorillonite microspheres: A sustainable fertilizer delivery system” (Microesferas de quitosana-montmorilonita: um sistema sustentável de liberação de fertilizantes), dos professores do Programa de Pós-Graduação em Agricultura e Ambiente (PPGAA), do Campus Araras da UFSCar (Universidade Federal de São Carlos), Bruna Rodrigues dos Santos, Fabiana Britti Bacalhau, Tamires dos Santos Pereira, Claudinei Fonseca Souza e Roselena Faez. O trabalho foi publicado na Carbohydrate Polymers.

De acordo com os professores, o artigo trata do uso de fertilizantes de liberação controlada como ferramentas eficientes que podem aumentar a sustentabilidade das práticas agrícolas. Para isso, os pesquisadores partiram da preparação de microsferas contendo potássio baseados em quitosano e argila de montmorilonita e a libertação in situ no solo.

Segundo a autora Roselena Faez, o trabalho vem sendo desenvolvido em parceria com o curso de Agronomia. “Enquanto nós, do curso de Química, trabalhamos para produzir um material e compreendê-lo de forma química, há também a parte prática, em que são realizados ensaios em solo”, comentou.

No entanto, um dos resultados positivos do trabalho foi a diminuição de gastos quando o fertiliberador é usado. “Esses foram os primeiros testes e os grupos estão trabalhando para aprimorar o material no laboratório, os testes em solo e a aplicação em diferentes culturas”, explicou Roselena. “Este foi o primeiro artigo publicado de uma nova linha de pesquisa que iniciamos no CCA e, por isso, estamos muito felizes por ter sido apontado como um artigo de destaque. Esse trabalho alia a pesquisa básica e aplicada, podendo contribuir com o agricultor, alcançando, então, o foco principal que é a comunidade”, finalizou.

A pesquisa completa e os outros artigos selecionados podem ser encontrados em www.elsevier.com/atlas/nominations.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*