Servidores reunidos na Praça Barão

A proposta apresentada pelo prefeito Nelson Dimas Brambilla (PT – Partido dos Trabalhadores) ao Sindsepa (Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Araras) ontem, dia 11, foi de apenas a inflação. A categoria pleiteia 15% de aumento. Os trabalhadores se reuniram no final da tarde em assembleia na Praça Barão, em frente do Paço Municipal, para discutir a reunião realizada com o Governo sobre os números abordados.

De acordo com o presidente do Sindsepa, José Raul dos Santos, o governo não fez nenhum esforço para atender os servidores. “Ele apenas cumpriu a lei e ofereceu a inflação. Esperávamos amis sensibilidade de Brambilla em relação a recomposição salarial que foi uma de suas promessas de campanha”, completou.

A inflação do período foi de 6,46% e, segundo o Sindicato, o Governo também rejeitou a maioria das reivindicações, como o pagamento do valor integral da cesta básica em caso de licença médica para tratamento de saúde. “Agora marcaremos outra Assembleia para votarmos o estado de greve”, ressaltou Raul.

Entre outras coisas, consta na pauta do Sindicato da categoria a alteração do Estatuto dos Servidores, a troca de cesta básica por vale alimentação, tratamento igualitário para servidores do mesmo setor, e treinamentos e EPI’s (Equipamento de Proteção Individual).

Manifestação

Os servidores se reuniram na Praça, em frente do gabinete do prefeito, com apitos e buzinas. A categoria também gritava que não era valorizada e queria mais.

A reportagem do Opinião Jornal entrou em contato com a Prefeitura na noite de ontem, porém não obteve resposta pelo horário avançado do questionamento.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*