Advogados de Paulo Maluf recorrem ao Supremo Tribunal Federal pela liberdade do parlamentar sob alegação de que ele pode ficar cego

O ex-congressista cumpre pena no Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília desde 22 de dezembro do ano passado, condenado por corrupção.

Os advogados fizeram várias tentativas – sem sucesso – para livrar Maluf da pena em regime fechado.

No pedido ao STF, a defesa anexou um laudo médico que aponta a possibilidade da perda total da visão do único olho funcional, o esquerdo, caso não recebao tratamento recomendado.

Segundo o site Congresso em Foco, publicado pelo UOL, Maluf não tem acesso ao tratamento.

O relatório aponta, ainda, que o deputado perdeu a visão do olho direito em abril de 2017.

Em outros pedidos, a defesa alega que, aos 86 anos, Maluf está com a saúde debilitada, com problemas cardíacos, câncer de próstata, diabetes e hérnia de disco.

Mais Notícias

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*