Remédios vencidos passarão por reciclagem e serão encaminhados ao seu destino correto, sem causarem danos ao meio ambiente
Remédios vencidos passarão por reciclagem e serão encaminhados ao seu destino correto, sem causarem danos ao meio ambiente
Remédios vencidos passarão por reciclagem e serão encaminhados ao seu destino correto, sem causarem danos ao meio ambiente

Os vereadores aprovaram por unanimidade na última segunda-feira (28), durante a 30ª sessão ordinária, o projeto de lei do vereador Romildo Benedito Borelli – Baiano da Farmácia (PSD) que autoriza os Postos de Saúde da Família, as Unidades Básicas de Saúde, o Centro de Saúde ao lado do Corpo de Bombeiros e a Unidade de Pronto Atendimento na Zona Leste a coletarem todos os tipos de medicamentos com prazo de validade vencido ou não, insumos de saúde e filmes radiográficos.

Os medicamentos recebidos serão encaminhados ao Dispensário de Medicamentos “Jerônymo Ometto”, localizado no Jardim Cândida, onde serão separados e analisados. Os remédios que não estiverem vencidos e em condições de uso serão colocados à disposição na rede pública de saúde. Já os vencidos passarão por reciclagem e serão encaminhados ao seu destino correto, sem causarem danos ao meio ambiente.

O Poder Executivo sancionará a lei que, após ser publicada, entrará em vigor. “O objetivo é evitar o acúmulo de medicamentos sem necessidade nas casas dos munícipes, o que poderá proporcionar possíveis intoxicações por uso indevido e evitar até mesmo a automedicação, além de evitar o descarte incorreto e causar dano ao meio ambiente”, justifica o vereador Borelli.

 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*