Na campanha serão realizados: aferição de pressão arterial, glicemia, triglicérides, colesterol e avaliação de IMC (Índice de Massa Corpórea)

Os caminhoneiros que passarem pelo quilômetro 158+700 da rodovia Anhanguera (Posto Graal Turmalina- SP 330), na pista sentido interior, em Cordeirópolis/SP poderão receber gratuitamente exames básicos de saúde. A ação, promovida pela Intervias, concessionária responsável pelas principais rodovias em Araras.

Na campanha serão realizados: aferição de pressão arterial, glicemia, triglicérides, colesterol e avaliação de IMC (Índice de Massa Corpórea)
Na campanha serão realizados: aferição de pressão arterial, glicemia, triglicérides, colesterol e avaliação de IMC (Índice de Massa Corpórea)

Denominada “Saúde na Boleia”, a campanha, que acontece até a próxima quinta-feira, dia 17, das 9h às 17 horas, tem como foco os caminhoneiros, um dos principais usuários das rodovias do Sistema Intervias. Na campanha serão realizados: aferição de pressão arterial, glicemia, triglicérides, colesterol e avaliação de IMC (Índice de Massa Corpórea), além de orientações médicas aos motoristas sobre cuidados com a alimentação e o sono e vacinação contra Febre Amarela, Hepatite B, SRC (Sarampo, Rubéola e Caxumba) e Dupla Adulto (Difteria e Tétano). O programa conta ainda com a parceria do Centro Paula Souza – Escola Técnica Estadual Prefeito Alberto Feres de Araras.

O principal objetivo da ação, que também comemora, em 16 de setembro, o Dia Nacional do Caminhoneiro, é identificar os fatores de risco que podem favorecer a ocorrência de acidentes de trânsito, estimular a mudança de hábitos e atitudes dos caminhoneiros e, dessa forma, reduzir o número de acidentes fatais nas rodovias. A campanha já atingiu a marca de 50 mil pessoas beneficiadas no trecho de concessão da Intervias e compõe o calendário de atividades do Mês da Segurança Arteris, que envolve as nove concessionárias do Grupo Arteris, em cinco estados da região sul e sudeste do país.

 

Foco na saúde do caminhoneiro

Uma pesquisa feita pela Arteris entre setembro de 2014 e agosto de 2015, com 5.538 caminhoneiros, mostra que apenas 30% deles possuem planos de saúde, mas muitos não usufruem, pois grande parte dos convênios atende regionalmente. A pesquisa aponta que 47% dormem fora de casa cerca de 20 dias no mês e, um dado alarmante, 3% consomem anfetaminas (rebite) para driblar o cansaço. A metade dos entrevistados afirmaram que dormem no próprio caminhão e apenas 3% ficam hospedados em hotéis durante a rotina de trabalho.

A campanha da Arteris é de total importância para alertar quanto aos cuidados com a saúde desses profissionais, levando em conta que quase 33% dos caminhoneiros ouvidos pela pesquisa são obesos, 34% estão com sobrepeso, 14% apresentam colesterol alto, 11% sofrem com hipertensão, 13% estão com triglicéride alta e outros 14% apresentam altas taxas de glicemia.

 

Mês da Segurança Arteris

A Arteris, companhia de concessões rodoviárias do Brasil, promoverá durante todo o mês de setembro uma série de campanhas de conscientização em prol da segurança viária. O Mês da Segurança Arteris envolverá as equipes das nove concessionárias administradas pelo Grupo, em cinco estados da região sul e sudeste. Mais de 200 mil folhetos com dicas práticas serão distribuídos aos usuários. Em 2014, cerca de 840 mil pessoas foram impactadas pelo programa.

 


 

Raio-x do caminhoneiro nas estradas

 

  • 47% ficam fora de casa cerca de 20 dias em um mês
  • 2% enfrentam jornada superior a 18 horas no trânsito
  • 50% dormem no próprio caminhão na rotina de trabalho
  • 8% dormem em casa na rotina de trabalho
  • 3% se hospedam em hotéis na rotina de trabalho
  • 3% faz uso de anfetaminas
  • 10% se encontra na faixa mais alta da Escala de Sonolência de Epworth, o que indica um risco 70% maior de sofrer acidentes automobilísticos.
  • 33% estão obesos
  • 34% apresentam sobrepeso
  • 11% sofrem com hipertensão
  • 14% apresentam colesterol alto
  • 14% estão com a glicemia alta
  • 13% registram triglicéride alta
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*