A sessão camarária desta quarta-feira, dia 22, foi marcada por homenagens. Foi aprovada também a criação de Comissão de Assunto Relevante, visando acompanhar e fiscalizar todos os procedimentos e estudos da proposta de reforma do Estatuto do Magistério Público Municipal.

Proposta pelos vereadores Valdevir Anadão – Professor Dê – (Partido dos Trabalhadores), Anete Monteiro Casagrande (PSDB – Partido da Social Democracia Brasileira) e Francisco Nucci Neto (PMDB – Partido do Movimento Democrático Brasileiro), a Comissão prevê a discussão pelo Legislativo Municipal, por meio de um grupo específico de trabalho, contando inclusive, com o apoio técnico e a consultoria de profissionais da rede, além da realização de audiências públicas.

Os membros poderão vistoriar e solicitar levantamentos nas repartições públicas municipais e entidades descentralizadas, onde terão livre ingresso e permanência, além de requisitar de seus responsáveis a exibição de documentos e a prestação dos esclarecimentos necessários.

Homenagens

Título de “Policial Destaque”

Na sessão integrantes das polícias Civil e Militar que atuam na cidade de Araras receberam o título de “Policial Destaque” durante ato solene em cumprimento ao Decreto Legislativo nº 8/2006, de autoria do ex-vereador Walter Alves de Oliveira que institui a homenagem referente ao Dia do Policial, celebrado no último dia 21 de abril.

A mesa da solenidade foi composta pelo 2º tenente Jivago Moretto Pedra, sub-comandante da 4ª Cia da Policia Militar Rodoviária; 2º Sargento Paulo Sérgio dos Santos, da Polícia Militar; e pelo Delegado de Política Titular de Araras, Dr. Sydney Sully Urbach.

O delegado Fernando Gonçalves Sales foi o homenageado que representou a Polícia Civil. Atualmente ele atua na Delegacia do Município como delegado de Polícia de Primeira Classe, padrão 3.

O homenageado cabo PM Nelson Eduardo Manoel desempenha a função de Auxiliar Administrativo de Operações na 4ª Companhia de Policiamento Rodoviário, sediado no município de Limeira/SP.

Representando a 7ª Companhia do 1º Batalhão de Policiamento Ambiental de Araras foi homenageado Rodrigo Cesar Espindola Vieira. Graduado soldado PM, é especialista em Policiamento Ambiental e atualmente desenvolve a função administrativa.

O soldado PM Nadalin Chiari Júnior foi o homenageado que representou a 2ª Companhia do 36º Batalhão da Polícia Militar de Araras. Chiari ingressou na Polícia Militar do Estado de São Paulo em 24 de maio de 1999, sendo que na 2ª Cia atua desde 26 de maio de 2000.

O delegado Fernando Gonçalves Sales falou em nome dos homenageados “Agradeço a Câmara Municipal de Araras pela nobreza do ato de anualmente prestigiar e estimular os integrantes das corporações que compõe as forças policiais deste município outorgando a honraria de ‘Policial de Destaque'”, disse.


Dia do Exército Brasileiro 

Homenagem pelo Dia do Exército

Também na camarária a vereadora e presidente da Câmara Municipal, Magda Carbonero Celidorio (PSDC – Partido da Social Democracia Cristã), entregou moção de congratulação ao Tiro de Guerra 02-053 de Araras pela comemoração ao Dia do Exército Brasileiro, celebrado em 19 de abril.

A data é marcada pela primeira luta dos povos do Brasil contra a dominação holandesa, em 1648. Os indivíduos que treinam e lutam para defender os espaços e direitos de um país são os integrantes dessa corporação. O Brasil possui três forças armadas, responsáveis pela defesa do país, e o exército é uma delas.

Em Araras, o Exército Brasileiro é representado pelo Tiro de Guerra, que neste ano de 2015 completará 66 anos de atividades. O TG 02-053 foi criado em 22 de setembro de 1949 pela Portaria Ministerial nº 146. Teve como seu primeiro diretor e instrutor o 2º tenente R/1 Oswaldo Ramos do Rego e o 1º sargento Inf. Justiniano Feitosa Sobrinho.

As atividades do TG tiveram início em 1º de maio de 1950, com a matrícula de 157 atiradores da classe de 1931. A atual sede, localizada na Praça Martinico Prado, no Centro, foi inaugurada no dia 7 de setembro de 1957. Na época, o diretor do Tiro de Guerra era o então prefeito Alberto Feres e o instrutor, o 1º sargento Odair Monteiro dos Santos.

Em 65 anos de história, mais de nove mil atiradores foram diplomados, conforme dados do TG. Neste ano de 2015, 100 atiradores foram incorporados no Tiro de Guerra de Araras, sendo que 99 atuam no TG

O 1º sargento do Tiro de Guerra 02-053 de Araras, Herberth Lima de Almeida, fez uso da Tribuna Livre para falar sobre a data.

 


 

Associação Cultural Raízes

O vereador Marcelo de Oliveira (PRB – Partido Republicano Brasileiro) entregou moção de congratulação aos membros da Associação Cultural Raízes. Criada oficialmente em 26 de março 2014, foi fundada pelo colaborador José Lurdio de Silva e Antônio Pierobon. Apesar de nova, a entidade conseguiu reunir grupos antigos que já mantinham vivas muitas tradições, como a devoção a São Gonçalo, a Catira, a Folia de Reis e a Roda de Viola.

Homenagem ao grupo cultural

A Associação Cultural Raízes de Araras realiza várias apresentações públicas na cidade e região, sempre com o apoio da Secretaria Municipal de Ação Cultural e Cidadania. Também conta com a colaboração do advogado José Barbosa e da professora historiadora e folclorista Rose Conte.

Para o vereador, a associação mantem viva as tradições históricas e caipiras de Araras. “Para conhecer o presente é preciso conhecer o passado. O passado de um povo que preserva a cultura, costumes e crenças. Vocês são exemplos a serem seguidos”, disse Marcelo.

Representando a associação, o presidente José Lurdio da Silva agradeceu a homenagem. “Queria agradecer a todos que colaboraram para o crescimento da associação e para o seu fortalecimento na cidade”, falou Silva.

“Esse reconhecimento é muito importante para nós. Gostaria de agradecer ao apoio que recebemos de todos”, completou Erika Cazarin.

Os integrantes que receberam moção foram: José Lurdio da Silva, Antônio Pierobon, Erika Cazarin, Rubens Aparecido Antônio de Lima, José Ferreira e Sebastião Martins.


Rodovia Wilson Finardi

Foi aprovada por unanimidade a Moção de Apelo, proposta pela vereadora Anete Monteiro dos Santos Casagrande (PSDB – Partido da Social Democracia Brasileira), pela antecipação da duplicação do trecho da Rodovia Wilson Finardi (SP-191), que liga Araras à Rio Claro.

Durante a discussão da Moção de Apelo, discursaram os vereadores Francisco Nucci Neto (PMDB), Breno Zanoni Cortella (PT – Partido dos Trabalhadores) e Carlos José da Silva Nascimento (PT).

A Moção tem o intuito de solicitar rapidez na duplicação da rodovia que dá acesso a três grandes vias do estado, Anhanguera, Bandeirantes e Washington Luiz e será encaminhada ao secretário de Logística e Transportes do Estado de São Paulo, Duarte Nogueira (PSDB), e ao governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB). A intervenção estava prevista para 2017, mas pode ser antecipada devido ao fluxo intenso de veículos e ao elevado índice de acidentes no trecho.

Em um relatório apresentado pela Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) consta o número de acidentes no período de 2010 a 2012, registrados pela concessionária que administra a SP-191. Em 2010 ocorreram um total de 101 acidentes e nove vítimas fatais. Em 2011 ocorreram 97 acidentes e cinco vítimas fatais. Em 2012 ocorreram 100 acidentes e cinco vítimas fatais. Ainda nesse estudo a Agência concluiu, durante os estudos, que o trecho da SP-191 (Araras/Rio Claro) possui um índice de acidentes de 18% superior a média geral das demais rodovias comparadas. (Com informações da Diretoria de Comunicação/CMA)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*